O serviço de “supervisão” é destinado a psicólogos clínicos que atuam na clínica analítico-comportamental, e pode contemplar casos de terapia individual (adolescentes e adultos) ou de casal.

O objetivo é auxiliar o profissional no desenvolvimento da habilidade de analisar funcionalmente as demandas apresentadas pelo seu cliente, contribuindo para que ele obtenha cada vez mais eficiência e autonomia na conceituação dos seus casos clínicos e no planejamento das intervenções.

Objetiva-se, também, a análise funcional da relação entre terapeuta e cliente a fim de auxiliar o profissional a identificar suas ações que estão facilitando a produção de melhorias no repertório e na vida do cliente, e ações que tem sido contraprodutivas neste mesmo sentido.

Analisar funcionalmente, portanto, é uma estratégia que contribui tanto para a compreensão e planejamento do caso clínico, como para a compreensão e desenvolvimento de uma relação terapêutica reforçadora.

Ademais, as supervisões contemplam o ensino de estratégias de intervenções que podem ser úteis a cada caso, contribuindo para o desenvolvimento do repertório de intervenções terapêuticas do profissional.

O Artigo 20 do Código de Ética Profissional do Psicólogo(a), define que o profissional não pode utilizar o preço do serviço como forma de propaganda. Por isso, para consultar os valores ou outras informações, entre em contato.

Anúncios